| plantas |

O melhor médico é a natureza: cura três quartos das doenças e nunca diz mal dos colegas. Louis Pasteur (1822 – 1895)


Alecrim
  • É conhecido como alecrim – da – terra, rosemary rosmarinho, rosmannhe, libanotis ou romero.
  • As pessoas que tenham a tensão arterial elevada, não devem utilizar o alecrim, pois é um hipertensor.
  • É um auxiliar da digestão, sendo anti espasmódico.
  • Ajuda a aliviar o congestionamento das vias respiratórias, sendo útil nas constipações e estados gripais.
  • É muito usado em pratos de carne e massas. O sabor das suas folhas é aromático, canforáceo e picante.
  • Possui um forte aroma sendo muito apreciado para aromatizar azeite, óleos e vinagre.
  • É muito utilizado e fitoterapia pois contém taninos, óleos essencial, cânfora, cineol, borneol e outros princípios activos.
  • É muito usado para perfumes e em aromoterapia.
  • As flores de alecrim colocadas dentro dos roupeiros, ajudam a eliminar as traças.
  • O alecrim não deve ser tomado durante uma crise de enxaquecas, pois poderá agravar a crise.
  • O chá de alecrim ajuda a tratar situações de hipotensão passageira, má circulação sanguínea, queda de cabelo, dores nas articulações e a abrir o apetite.

 

 

 

 

 

 

 

 

Copyright: Todos os direitos reservados a Dra. Eduarda Alves, 2007